Piloto cria site de voos compartilhados de helicóptero em SP

Por brasil

JOSÉ MARQUES, DE SÃO PAULO

“Preços incríveis!”, “Pague com cartão de crédito em até 12 vezes!” e outras ofertas que costumam estampar comerciais de lojas de departamento viraram estratégia de venda para Alexandre Amaral, piloto de helicóptero.

Voltado para o consumidor econômico em um mercado de luxo, Amaral criou um site de voos compartilhados de helicóptero, com reserva on-line e funcionamento semelhante aos sites Groupon ou Peixe Urbano. É o VoeJunto.com.

Em parceria com as principais empresas de táxi aéreo de São Paulo, ele reuniu em um site único serviços que eram oferecidos pelas empresas de forma individual. Na página, são listados voos que custam, no total, de R$ 2.000 a R$ 10 mil a hora.

“A partir do segundo passageiro, o voo é marcado e, se entrar um novo, vamos dividindo [o custo] até chegar à capacidade da aeronave”, afirma.

X

No verão, os principais destinos são as praias do litoral norte, como Juqueí, Camburi e Ilhabela, conhecidas pelo trânsito intenso nos fins de semana e feriados.

O empresário Luciano Villano, 39, que utiliza “de vez em quando” o recurso, recomenda o serviço “para quem está com horário apertado”.

“Compartilhando, o preço fica mais razoável. Claro que não é o mesmo que carro, mas não é inacessível”, diz.

Villano diz que o modelo de helicóptero que mais usa é o Esquilo, de cinco assentos, cuja hora de voo custa em torno de R$ 7.000.

Siga o blog Brasil no Twitter (@Folha_Brasil) e no Facebook (www.facebook.com/BlogBrasil)