No CE, 87% dos tucanos declaram voto em Eunício, mostra Datafolha

Por brasil

A disputa pelo governo do Ceará foi uma das mais acirradas do país no primeiro turno, tendência mantida na segunda etapa da campanha.

No pleito que opõe dois candidatos da base do governo Dilma Rousseff (PT), Camilo Santana (PT), candidato da situação, venceu a primeira votação com pequena margem frente a Eunício Oliveira (PMDB): 48% x 46%.

A primeira pesquisa do Datafolha realizada neste segundo turno mostrou que os candidatos estão empatados tecnicamente, com maior probabilidade de Camilo estar à frente: 53% x 47%, considerando os votos válidos.

Conheça mais sobre as opções dos cearenses nesta eleição:

Camilo Santana (PT) e Eunício Oliveira (PMDB), candidatos ao governo do CE na disputa do segundo turno
Camilo Santana (PT) e Eunício Oliveira (PMDB), candidatos ao governo do CE na disputa do segundo turno

Tucanos com Eunício
Coligado formalmente com os tucanos no Estado, o senador Eunício é a opção da maior parte dos eleitores que declaram preferência pelo PSDB: 87% x 13%.

Entre petistas e peemedebistas, há cerca de um quarto de “dissidentes” em cada grupo. Camilo é a opção de 71% dos eleitores que declaram preferência pelo PT (Eunício tem 29% das preferências nesse grupo), e Eunício tem 77% entre peemedebistas (ante 23% de Camilo).

Recuperação de Cid
Principal defensor da candidatura de Camilo, o governador Cid Gomes (Pros) melhorou sua avaliação em relação ao mês passado.

Após sete anos e nove meses de governo, sua gestão é considerada ótima ou boa por 47% dos cearenses; 34% a avaliam como regular e 15%, como ruim ou péssima. Há um mês, os índices eram, respectivamente, de 43%, 37% e 15%.

Entre os eleitores de Camilo, 65% aprovam a gestão Cid, índice que cai para 35% entre quem opta por Eunício.

Vantagem na urna
Além da vantagem numérica, Camilo Santana conta com outro trunfo por ora: 88% dos seus eleitores acertaram o número do candidato (13), enquanto para o “15” de Eunício o índice de acertos é dez pontos menor: 78%.

Renda x Escolaridade
O candidato do PT tem melhor desempenho entre eleitores com ensino fundamental (56% x 44%), e Eunício se dá melhor na faixa do eleitorado com ensino superior (53% x 47%).

Na renda, Camilo vence em todas as faixas, exceto no segmento de renda familiar mensal de cinco a dez salários mínimos, no qual Eunício tem ampla vantagem (62% x 38%).

Voto do interior
Camilo abre maior frente no interior do Estado (54% x 46%), enquanto o cenário na região metropolitana de Fortaleza é mais apertado (51% x 49% para o petista).

Em relação ao porte do município, o peemedebista está numericamente à frente apenas nas cidades maiores, de mais de 500 mil habitantes: 52% x 48%.

* O Datafolha ouviu 1.293 eleitores em 52 cidades do Ceará no último dia 15 de outubro. A margem de erro do levantamento é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.